Panquecas de aveia

panquecas-de-aveia-daydreams-blog

Não sou uma expert no que toca à cozinha ou a cozinhados. Há por aí blogs maravilhosos cujos donos são verdadeiros chefs caseiros que, apesar de não terem estrelas Michelin, para mim são cinco estrelas. No entanto, gosto de cozinhar, de experimentar, de fotografar o processo e, por isso, decidi que ia começar a partilhar os meus (espero!) sucessos culinários, para vos inspirar de alguma forma, com receitas fáceis e de resultados (quase sempre) bastante satisfatórios.

Desta vez trago-vos panquecas de aveia. Se é verdade que está ‘na moda’ esta coisa de comer de forma saudável, também é verdade que ainda bem que assim é. Por isso as pessoas estão cada vez mais a utilizar produtos integrais e a substituir o leite de origem animal por outro de origem vegetal (amêndoa, arroz, etc), entre outras pequenas alterações que podem fazer toda a diferença. As fotografias são de má (péssimaqualidade, mas foram tiradas com o telemóvel já há algum tempo, quando eu (ainda) não me preocupava tanto que elas ficassem, ou não, bonitas, até porque não pensava partilhá-lhas.

Ingredientes:
– Farinha de aveia
– 1 ovo (podem não pôr, mas a massa não coze tão bem)
– Leite (ou água)
– Linhaça (podem pôr ou não – neste caso não coloquei)
Maple syrup (ou mel) para adoçar no final

Adicionar o ovo e a 2/3 colheres de sopa de farinha de aveia. Verificar a consistência e adicionar leite (pouquinho!) até a consistência ficar perfeita. Deve ficar mais grossa do que se for para fazer crepes, porque as panquecas são boas com uma certa altura. É nesta altura que, quem quiser pode adicionar a linhaça (ou outras sementes que prefiram).

De seguida colocar uma concha da mistura numa frigideira anti-aderente (não utilizo qualquer gordura) e deixar cozinhar. Quando a massa está a ficar no ponto ‘descola-se’ com facilidade da frigideira e é altura de virar a nossa panqueca.

Não está com óptimo aspecto? Quando estiver pronta é só repetir o processo até acabar a massa (deve dar para umas duas ou três panquecas pequenas – se não as comerem todas podem guardar as restantes no frigorífico para os dias seguintes) e finalmente servir a gosto.

Neste caso servi com banana, canela e manteiga de amendoim. Adicionei maple syrup para as panquecas não ficarem tão secas. Mas como a banana já é suficientemente doce se quiserem podem não adicionar.

Outra ideia é servir com morangos, amêndoa laminada, e uma colher de mel. E aqui está um pequeno-almoço rápido de se fazer e extremamente nutritivo.  Podem acompanhar com chá ou com café (sem açúcar ou com adoçante natural).

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  1. Obrigada 🙂 têm dias, umas vezes consigo fazê-las mais redondinhas do que outras :p olha, por acaso é uma receita tão rápida de fazer que acho que é perfeitamente adaptável aos dias da semana, mesmo para quem trabalha 🙂

  2. Mas olha que é muito rápido de preparar. 10 minutinhos e estão prontas a comer 🙂 mas sim, ao fim-de-semana há sempre mais tempo, nem que seja para desgustá-las com preguiça 🙂 *