O Passeio dos Filósofos em Quioto

passeio-dos-filosofos-quioto-daydreams-blog
O Passeio dos Filósofos em Quioto, ou Tetsugaku-no-michi para os mais curiosos, é famoso pelas suas cerejeiras em flor, naquela altura tão curta da primavera em que as flores brancas de centro rosado resolvem desabrochar e exibir-se esplendorosas e vaidosas num espectáculo digno de se ver.

Mas, o que vos venho provar hoje é que este passeio é igualmente bonito no inverno, repleto de diversos tons de verde e de salpicos de vermelho que o tornam ainda mais bonito! Mais do que isso, não há como não nos sentirmos perfeitamente em paz quando rodeados por tamanha beleza, toque de mistério, e calmaria. Quanta calma o ‘meu’ Japão trouxe aos meus pensamentos e as decisões boas que fui capaz de tomar por lá… E não é que faz já esta semana um ano desde que parti naquela que foi a aventura da minha vida, e que me deixa tantas saudades? É, obviamente, caso para dizer: Oh tempo, volta para trás!

Pelo caminho encontrámos estes habitués, a dormir descontraidamente no seu tea room cuidadosamente decorado e capaz de os abrigar dos dias mais chuvosos. Se ainda não visitaram o Japão, esperam-vos estas – e outras – coisas, no mínimo, peculiares!

Com quase dois quilómetros de passeio ao longo do canal, ganhou o seu nome por causa de um dos mais famosos filósofos japoneses, o professor Nishida Kitaro, que se dizia meditar todos os dias naquele mesmo espaço, durante a sua caminhada até à Universidade de Quioto. Bonito, hein?

Não admira que este seja um dos locais mais visitados pelos turistas que se passeiam por Quioto. Mesmo durante esta época, em que as cerejeiras foram privadas das suas folhas, este sítio faz-nos realmente arranjar tempo para pensar, algo raro nas nossas vidas que são vividas sempre demasiado rápido, com mil coisas a acontecer, e sem tempo para desligar. O Japão tradicional tem este efeito em nós, o de nos acalmar, serenar e mostrar que se vivermos mais devagar não vamos perder nada, muito pelo contrário!

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  1. Sou fã do Japão, sou fã de Quioto! Ter estado por lá uma semana e meia já foi indiscritível, imagino 4 meses! Daqueles países que ficam bem lá do outro lado do Mundo mas que quero/vou repetir 🙂
    Quioto é sem dúvida um lugar de inspiração!