Arco da Rua Augusta



A parte melhor de andarmos pela nossa cidade em pleno Agosto é podermos vê-la sem as pessoas normalmente apressadas, que não param para apreciar o que de mais bonito nós temos em Lisboa. É bom poder ver os turistas de sorriso nos lábios, a apontar para qualquer pormenor e a soltar exclamações de admiração. Eu vivo numa das cidades mais bonitas do Mundo e às vezes esqueço-me disso e de a explorar como deve ser.

Mas este verão foi diferente. Visitei lugares que nunca tinha visitado e voltei a lugares onde já não ia há demasiado tempo. E, claro, vou partilhar tudo convosco para que, caso não sejam de Lisboa, tenham vontade de visitar esta cidade maravilhosa, e caso sejam, fiquem com vontade de a explorar mais, como eu.

Desta vez o destino foi o Arco da Rua Augusta. Já tínhamos estado para subir e apreciar a vista, mas a falta de elevador, e o facto da companhia ter dificuldade em subir dezenas de escadas estreitas, não nos permitiu fazê-lo antes. Mas desta vez não houve entraves e lá fomos nós, ao topo do Arco apreciar uma vista de Lisboa capaz de fazer qualquer um saltar uma batida do coração.


Antes de chegarmos ao Arco passámos pelo MUDE, que tem agora na sua fachada uma instalação com pranchas de surf, que o tornam muito mais colorido e divertido. Este museu é um dos sítios que tenho de visitar obrigatoriamente nos próximos tempos. Sem falta!




A vista sobre o Castelo, a Sé e o Terreiro do Paço é de cortar a respiração! Não há nada que eu não goste nesta cidade. As cores, os edifícios a precipitarem-se pelas encostas, o rio largo a chegar ao mar... gosto tanto de tudo! De tudo mesmo!



E o Terreiro do Paço está maravilhoso! Já ouvi dizer que tem sítios óptimos para uma comer ou beber um copo. Tenho de ir investigar isso. Alguma sugestão?


Posts relacionados

15 comentários

  1. Lisboa é mesmo a cidade do meu coração! :)
    As tuas fotografias estão maravilhosas Catarina, parabéns! Relativamente a sugestões para comer no terreiro do Paço, eu aconselho o Can the Can :)

    ResponderEliminar
  2. Bom dia minha querida Kate. :)

    Como sabes admiro muito o teu trabalho como blogger então decidi nomiar-te para participares num desafio on-line que se chama Liebster Award.

    Caso estejas interessada em participar, neste link http://pontofinalparagrafos.blogspot.pt/2014/08/liebster-award.html
    vais encontrar todas as regras e as perguntas a que deves responder.

    Leva o tempo que precisares, mas avisa-me assim que responderes para eu poder ler as respostas!

    Este prémio, tem como finalidade, dar a conhecer blogues mais recentes.

    Um beijinho, Andreia,
    http://pontofinalparagrafos.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Adoro ser turista nas minhas cidades (Porto e Lisboa). Com jeitinho encontra-se sempre algo "novo", que nunca tínhamos visto antes.
    Ainda não subi ao elevador do Arco da Rua Augusta mas estou com vontade.
    As fotos estão tão bonitas! Lisboa tem muito encante. :)*

    www.joanofjuly.com

    ResponderEliminar
  4. Tem uma vista brutal o Arco da Rua Augusta...adoro! :) e, tirando o Verão, passeio quase todos os fins de semana pela minha cidade :) *

    ResponderEliminar
  5. Devo ser das poucas pessoas que não gostei da rua Augusta. Não é pelo aspecto em si, mas é mal frequentada. Aí mostraram-me droga para comprar,e um arrumador de carros avisou-me para ter cuidado com os carteiristas que costumam andar por esses lados, pelo que nem desfrutei bem do passeio, pois fui sempre com medo de ser assaltada =/

    ResponderEliminar
  6. As fotografias estão fantásticas, mágicas e já nem sei mais o que escrever!
    Enquanto ao Terreiro do Paço, é sempre bom ir lá! Aliás, metade da minha vida foi por essas zonas e as tuas fotografias trazem-me recordações fantásticas!!

    Parabéns pelo post! Parabéns pelo destaque!

    (Enquanto sugestões... bem, nem sei bem. Mas posso dizer que existe a algures um café bem perto do Terreiro do Paço (não me lembro do nome, desculpa!) que faz os melhores Waffles do mundo!!! Para mim claro! Lembro de ser pequena e ir lá come-los tantas vezes!)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Obrigada Ana :) pelo elogio e pela sugestão! Temos a cidade mais bonita de sempre <3 *

    ResponderEliminar
  8. Estou contigo nessa de ser turista na própria cidade :) é que a verdade é que fartamo-nos de visitar outros sítios, queremos ver tudo tudo, e depois acabamos por nos esquecer de que temos sítios fantásticos mesmo aqui ao lado e que ainda mal explorámos :) E Lisboa é linda! *

    ResponderEliminar
  9. Tenho de fazer como tu Ju, e passear mais vezes pela cidade. Há tantos cantinhos escondidos à espera de serem descobertos através dos nossos olhos e das nossas fotos :) *

    ResponderEliminar
  10. Sendo lisboeta já passeei milhares de vezes pela Rua Augusta e nunca me ofereceram nada! Bolas! ahahaha! :p Penso que deves ter tido azar. Acho que o que pode ser mais intimidante é a quantidade de pedintes que existe muitas vezes nesta rua. De resto considero-a, normalmente, segura. Além disso para chegares ao Arco não precisas de passar pela Rua Augusta. E subir ao Arco vale mesmo a pena :) *

    ResponderEliminar
  11. Humm alguém falou em waffles? Já estou a salivar! Tenho de ir descobrir esse sítio de que falas :) Obrigada! *

    ResponderEliminar
  12. Há 6 anos apaixonei-me por Lisboa, e até então tem sido assim! Desses sítios, que já conheço tão bem, olho para as fotografias (lindas, diga-se) e sinto-me em casa. Além de que, sou a maior fã dessas coisas de turista dentro da minha própria cidade. E o quanto me enche de alegria, passeá-la <3

    ResponderEliminar
  13. Ohh obrigada :) também eu gosto tanto de ser turista aqui mesmo, nesta que é a minha cidade :) *

    ResponderEliminar
  14. Fiz exactamente o mesmo, em Agosto. Fui turista na minha cidade e o Arco da Rua Augusta foi um dos destinos nos nossos passeios.

    ResponderEliminar
  15. Vale mesmo a pena, não vale? A vista é deslumbrante :) *

    ResponderEliminar