Dois anos… já?

Já vos disse há um ano atrás que este blog nasceu dia 29 de Fevereiro, por isso só tem efectivamente um dia de aniversário de quatro em quatro anos. Eu, como um bocadinho control freak que sou pergunto-me, várias vezes, como é que isto foi acontecer. Acho que a resposta mais simples e honesta é: nunca pensei que este blog chegasse a comemorar um aniversário, quanto mais dois!

É impressionante como o tempo passa. É igualmente impressionante o quanto eu mudei com este canto (ou ele é que mudou porque eu mudei? Dúvidas…). É ainda mais impressionante que tenha conhecido, quer pessoal quer virtualmente, tantas pessoas que por aqui passam e que me fazem querer voltar aqui todos os dias. Nunca pensei vir a gostar tanto de ler os vossos comentários. Nunca pensei vir a querer dar tanto mais de mim a este blog e a todos vocês que o lêem. A verdade é que nunca pensei gostar tanto disto! Achava que, tal como a maior parte das coisas na minha vida, quando passasse algum tempo ia sentir que era obrigação e ia deixar de ter paciência para vir aqui escrever, e ter estes momentos maravilhosos de partilha. Mas isso nunca aconteceu. O que aconteceu foi que este espacinho da web se tornou o meu projecto, o meu bebé, a minha paixão. Estou verdadeiramente apaixonada! E fascinada! Por ter conseguido fazer crescer (sempre devagarinho, que devagar se vai ao longe) este espaço, por ter feito com que alguns de vocês passassem (e continuem a passar) aqui uma e outra vez. Não há palavras suficientemente grandes e fortes para vos dizer o quanto estou grata por todos vocês que me lêem diariamente, semanalmente, mensalmente. Não importa. Por todos vocês que comentam, ou não. Por todos vocês que partilham com os amigos. Acho que ninguém, senão eu, pode saber o quanto isso me deixa feliz. E orgulhosa. E, por vezes, até vaidosa. 

Este blog já tem dois anos (ou vai ter ali no passar das 23h59 para as 00h00 de 1 de Março) e eu não poderia estar mais babada! Tenho a certeza que muitas coisas boas ainda estão para vir. Por isso, hang on tight e continuem a passar por aqui.

E, já que estamos em contagem decrescente até aos Óscares, aproveito para agradecer também, agora de uma forma mais directa, à prima S., por todo o apoio, pela motivação, pela amizade, pela imagem do blog e por tudo o que agora nem consigo dizer. Ao mais-que-tudo pela paciência, pela força e por acreditar sempre em mim.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  1. Parabéns atrasados! 😀

    Mereces tu, o blogue, o ambiente que criaste aqui e que adoro! 🙂

    Um beijinho enorme à escritora e ao "livro" – em que me revejo tantas vezes…

  2. Minha querida Clênia, umas das coisas que me deixam mais feliz por ter um blog são precisamente todas as pessoas maravilhosas que ele já me permitiu conhecer, grupo no qual estás incluída 🙂 Obrigada por todo o teu carinho! E espero que possamos encontrar-nos novamente em breve *

  3. Gosto tanto de saber disso!!! Parabéns!! Por poder comemorar anos de blog, por poder olhar para trás e perceber as mudanças que podem até estar registadas aqui nos teus posts. É tão bom saber que por causa dele conheci-te, dei-te um abraço ou mais que um, que por causa disso consigo gostar ainda mais deste blog por ser teu, por ter tanto de ti e por estar a evoluir contigo. Que muitos desses 29 de fevereiro venham apenas para simbolizar todo o trabalho que fazes durante todos os outros dias do ano, para que possamos ter sempre a tua companhia diária através dele.
    Beijos!! Sucesso!